Perguntas para psicóloga sobre DIÁLOGO NOS RELACIONAMENTOS

Perguntas para psicóloga sobre DIÁLOGO NOS RELACIONAMENTOS

  1. Meu companheiro fala muito pouco e eu falo demais. Como manter um equilíbrio?

              Acho ótimo você estar preocupada com esse equilíbrio, porque o importante numa relação é saber dosar, ter esse equilíbrio.

              Às vezes quando se fala muito, não dá espaço para outro falar.

              Então reverta essa situação:

– Estimule o diálogo com seu parceiro;

– Aprenda a escutar;

– Dê espaço para que ele fale e seja escutado.

  • O que fazer quando o parceiro não aceita ter um diálogo?

              Para ter um diálogo:

– Em primeiro lugar rever essa situação, o porquê ele não aceita ter um diálogo;

– Às vezes precisamos assumir, que necessitamos melhorar a nossa comunicação;

– Desfaça do hábito de querer ter sempre a razão;

– Ouça atentamente o outro e não o interrompa até que acabe de falar;

– Use sempre a sinceridade durante as conversas;

– Use a empatia, que é a capacidade de se colocar no lugar do outro;

– Exercite o diálogo em tudo.

  • Quando estou nervosa, seja por TPM ou por outra razão, não quero falar com ninguém sobre nada e meu parceiro se incomoda com isso. Como agir?

              O diálogo é fundamental em qualquer relacionamento.

– Mas também não adianta você querer conversar com alguém, quando estamos irritados, nervosos, impaciente.

– Em primeiro lugar, acalme-se para depois conversar com ele e exponha o que está acontecendo com você.

– Sugiro que procure um atendimento médico para ver essa TPM, que pode ser tratada.

  • Como manter o meu relacionamento saudável com o meu parceiro?

              Mantenha sempre o diálogo desde o início do relacionamento, expondo suas ideias, sentimentos, angústias e desejos.

              Tenha conversas produtivas, fale e exercite a escuta.

  • No meu relacionamento anterior, eu tinha receio de perguntar e falar coisas. Como posso fazer para ser diferente no meu novo relacionamento?

– Fale de maneira tranquila, sem impor a sua opinião;

– Ouça o que ele tem a dizer para ver o que é importante para vocês;

– O diálogo permite conhecer melhor o seu parceiro.

  • Tenho o hábito de não falar muito e quando me perguntam sobre algum assunto, às vezes eu sou um pouco “grossa”. Como posso agir de maneira diferente agora que estou namorando? Não quero que isso seja um motivo para brigas nesse relacionamento.

              Em primeiro lugar é muito importante você perceber isso e querer mudar.

              Quando estiver num diálogo:

– Não seja bruta;

– Fique atenta na comunicação não verbal, nos gestos e expressão;

– Não use discurso destrutivo, porque assim ele poderá se fechar e vocês não vão chegar a nenhum acordo.

  • Meu companheiro só fala de quadrinhos e política. Não curto nenhum desses assuntos e ele não se toca. Como fazer ele entender isso da melhor forma?

– Tente você direcionar a conversa para outros assuntos;

– Mas converse sem críticas, sem bombardear para chegarem num consenso;

– Faça uma forcinha para se interessar pelos assuntos dele, pergunte mais, questione, assim você abrirá um leque para que você possa introduzir novos assuntos.

              O diálogo é fundamental para um relacionamento saudável.

Vídeo do tema: Como manter o diálogo nos relacionamentos?

Paula Espíndola

#dialogo #relacionamentospsicologia #paulaespindolapsicologa #insightpsique

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s