Perguntas para psicóloga sobre TRANSTORNOS – Parte 2

Perguntas para psicóloga sobre TRANSTORNOS – Parte 2

  1. Gostaria de saber sobre transtorno de ansiedade. E como esse transtorno pode ser prejudicial na vida de alguém?

Transtornos de ansiedade são vários sintomas ansiosos, que causam desconforto ou comprometimento na vida da pessoa.

Os principais tipos de transtornos de ansiedade são:

  • Transtorno do pânico: são ataques frequentes de ansiedade que ocorrem de uma hora para outra;
  • Transtorno de ansiedade generalizada: preocupações excessivas e ansiedade crônica;
  • Transtornos fóbicos: temos Fobia Social (medo de ser jugado pelos outros), Agorafobia (medo de ter crise de ansiedade em lugares com espaços abertos) e outras fobias;
  • Transtornos de estresse pós-traumático: causado por uma experiência traumática muito estressante ou uma incapacidade;
  • Transtorno obsessivo compulsivo (TOC): associado a sentimentos de medo, angústia e estresse. Realiza repetidamente certas ações que são compulsões para se sentir melhor e reduzir a ansiedade.
  • Transtorno de pânico tem cura?

O ataque de pânico pode ocorrer em qualquer lugar e geralmente a crise dura mais ou menos 5 minutos.

O tratamento deve ser acompanhado por um psiquiatra, porque na maioria das vezes é necessário uma medicação e acompanhamento psicológico, uma psicoterapia.

Esse tratamento deve ser iniciado o quanto antes para que se consiga levar a cura, mas é processo longo e difícil e varia de pessoa para pessoa.

Como existem pessoas com esse transtorno que nem conseguem sair de casa, tenho a opção de atendimento online, para que mesmo assim não fique sem atendimento. O site é www.insightpsique.com.br, só enviar uma mensagem que entrarei em contato.

  • Sou muito ansiosa e acelerada, isto seria um transtorno? Se for gostaria de saber mais.

Ter um pouco de ansiedade é natural, mas quando começa a atrapalhar a rotina, tem que ser investigada por um profissional como psicólogo ou psiquiatra, para que não leve a transtornos de ansiedade, que são sintomas de ansiedade intensa que a pessoa apresenta, atrapalhando a sua rotina.

Esse tipo de transtorno tem como principais sintomas:

  • Tensão muscular;
  • Sudorese;
  • Dificuldade na respiração;
  • Palpitações no coração;
  • Insônia;
  • Depressão.

Analise se apresenta esses sintomas e caso os perceba vá em busca de um acompanhamento profissional.

  • Ansiedade! Como lhe dar com isso?

A ansiedade é:

  • Um sentimento constante de preocupação e incapacidade;
  • Sensações de agitação e angústia;
  • Excesso de agonia e aflição;
  • Medo por um perigo antecipado;
  • Causando desconforto físico e psíquico.

Para que você evite essa ansiedade, aqui vão algumas dicas para controlá-la:

  • Reconhecer a ansiedade desde o início;
  • Controle da respiração;
  • Faça exercícios físicos;
  • Tente manter a tranquilidade;
  • Ocupe seu tempo ocioso com atividades que aprecia;
  • Eleve sua autoestima e autoconfiança;
  • Não crie expectativas;
  • Evite comportamentos destrutivos e não se culpe;
  • Fale dos seus sentimentos e emoções;
  • Quando a ansiedade começar a atrapalhar sua rotina, procure uma psicoterapia para investigar se não é um transtorno.
  • Fale sobre transtorno compulsivo por comer.

Esses são os chamados transtornos alimentares.

Os principais são:

  • Anorexia nervosa: é a obsessão pelo controle da quantidade de alimento que se consome.
  • Bulimia nervosa: é a ingestão de alimento e depois vem o desespero que leva a indução de vômitos ou uso de laxantes.
  • Transtorno de compulsão alimentar periódica: a pessoa come compulsivamente e depois fica muito ansiosa e angustiada com a preocupação com o seu peso.
  • Você pode falar sobre transtorno dismórfico corporal?

Esse transtorno é aquele que apresenta uma preocupação excessiva com algum imaginado defeito em sua aparência ou uma reação excessiva, um certo desespero por alguma falha física.

A maioria das pessoas com esse transtorno vive procurando por dermatologista e cirurgiões plástico para corrigir esses defeitos imaginados.

O melhor tratamento nesses casos é a psicoterapia para lidar com esse sofrimento, angústia e acima de tudo, elevar a autoestima.

  • Eu sou muito nervosa, não tenho paciência, é muito curta, sou muito estressada.

Em primeiro lugar gostaria de dizer que esses vídeos que faço com todo carinho são para dar alguma orientação psicológica, uma diretriz por onde começar a trabalhar a sua dificuldade, mas jamais substituirá a psicoterapia.

Mas não tem como dar um diagnóstico sem uma psicoterapia, por isso que sempre ressalto a importância desse acompanhamento psicológico.

Agora no seu caso, analise suas atitudes e comportamento para ver se não está passando por uma crise de ansiedade devido a esse estresse.

Para isso é muito importante a psicoterapia, não procrastine, não deixe para amanhã o que pode ser feito hoje.

Não adie a sua felicidade, nem se para isso tenha que abrir mão de algumas coisas que não são tão relevantes e procure psicoterapia.

  • Fale sobre transtorno obsessivo compulsivo sexual. Necessito até de medicação controlada.

O transtorno obsessivo compulsivo sexual é também conhecido como ninfomania.

Deve-se estar atento na diferença entre gostar de sexo e ser compulsivo sexual.

Ter muita vontade de transar não caracteriza um transtorno.

Já o compulsivo é aquele que não consegue resistir aos pensamentos e desejos sexuais, com uma grande necessidade de serem saciados com alguém, mesmo que não seja seu parceiro.

O maior problema do compulsivo sexual é que a maioria não procura tratamento e só se dá conta desse transtorno quando sua vida já está abalada e prejudicada.

Para esse tratamento é recomendado um acompanhamento médico para uma possível medicação adequada e terapia sexual para controlar seu comportamento e muitas vezes uma terapia de casal.

Vídeo do tema:

Paula Freitas

Psicóloga, Psicoterapeuta de casal e Terapeuta Sexual

WhatsApp 11 98313 2371

paulafreitaspsicologa@gmail.com

@paulafreitaspsicologa

@relacionamentoabusivopsi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s