Perguntas para psicóloga sobre SOGRA

SOGRA

              Acho ótimo vocês conseguirem sair da casa da sua sogra e terem o cantinho de vocês.

               Mas se mesmo assim, ela ainda o influencia, você precisa conversar abertamente com ele.

              Procure um momento tranquilo, nunca no meio de uma discussão, exponha suas angústias e se posicione.

              Mas não alimente sentimentos de rivalidade com a sua sogra, porque isso só vai gerar mais conflito.

               Eu sei que toda mãe quer o melhor para seus filhos e netos.

              Tente falar com eles de maneira tranquila, sem impor sua opinião, porque afinal por mais que doa agora eles são uma nova família.

              É uma situação delicada, afinal eles moram com você.

              Mas acredito ser melhor você conversar com a sua filha, expor suas dificuldades para que o casal entre num acordo e mude essa situação.

              E assim você não interferirá diretamente na relação deles.

              É normal os pais defenderem sua prole, mas cuidado para não entrar no joguinho de competição com o sogro e sogra.

              Dê mais atenção a eles e menos intimidade.

              É importante ressaltar que a intimidade do casal deve ser preservada.

              Sugiro que você converse com seu parceiro e já que a situação o incomoda, que ele mesmo converse com ela, para que você não entre em conflito com a sogra.

              O que você pode fazer é: escutá-la quando ela vir te procurar, respeitá-la, demonstrar afeto para que ela te olhe com bons olhos.

              Por mais que os pais sempre queiram ajudar, muitas vezes eles podem até prejudicar ou colocando mais fogo na situação, incendiando ou apagando demais o fogo que deveria ser encarado.

              O ideal é que o casal resolva sua própria situação, porque o relacionamento passa por crise e isso faz parte, é sinal de que temos algo para melhorar, investir na nossa relação.

              É importante deixar claro que ela está vindo morar na casa de vocês e que terá que conviver com o ritmo da casa, mas não a confronte diretamente, faça do seu jeito.

              E nunca tente colocar seu marido contra a mãe, porque poderá ser muito desgastante.

              Na verdade, a sua escolha foi do parceiro e não da família dele, mas temos que aprender a conviver com harmonia.

              É importante para o casal ter claro que a convivência com a família dos parceiros não pode ser uma obrigação, ou seja, ter aquela obrigatoriedade de ir todo domingo almoçar na casa da sogra.

              Faça visitas, convide-os para sua casa, faça agrados, lembrando de datas comemorativas, mas sem ter aquela obrigação.

              Geralmente as avós ficam babando com os novos netinhos, então sugiro que você delegue tarefas para ela que envolva o bebê, assim ela ficará feliz e não entrará em conflito com você.

              Só quero deixar claro que a imagem da sogra é um estereótipo social, um preconceito da sociedade, mas eu tenho certeza, que tem muita sogra fácil de lidar. 

Vídeo do tema: Como lidar com a sogra?

Paula Espíndola

#sogra #relacionamentofamiliar #paulaespindolapsicologa #insightpsique #relacionamentospsicologia

Passos para atingir metas

PASSOS PARA ATINGIR METAS

              Para atingir seus objetivos será fundamental ter organização e prazo determinados para essas metas.

              Para isso será fundamental:

  • Estabelecer objetivos;
  • Ter comprometimento com seus objetivos;
  • Organize seu tempo;
  • Planejar e traçar suas metas;
  • Entre em ação;
  • Revise suas metas.

Uma dica valiosa, analise suas atitudes, escreva o que não gostou e o que mudaria em sua atitude, afinal são com nossos erros que aprendemos, então mude sua história e acima de tudo reconheça suas conquistas, temos a mania de focar muito no que deu errado e deixamos passar nossas conquistas, então valorize cada vitória intensamente.

Paula Espíndola

#metas #estrategia #relacionamentospsicologia #insightpsique #paulaespindolapsicologa

Defina suas metas

DEFINA SUAS METAS

              Definir suas metas é primordial para seu crescimento pessoal e garantir seu sucesso.

              Quando se estabelece as metas que está disposto a seguir, reassume o controle sobre pensamentos e sentimentos que afastam nosso comportamento que conduz aos nossos verdadeiros objetivos.

              Para melhorar seu mundo interno, será necessário agir no mundo externo.

              A motivação, a disposição e a vontade de entrar em ação são o caminho essencial para definir, alcançar e atingir seus objetivos.

              Para definir suas metas deve-se:

  • Analisar suas necessidades pessoais;
  • Avaliar se as suas metas são possíveis de serem alcançadas;
  • Trace suas prioridades;
  • Escreva seu planejamento;
  • Tenha comprometimento e dedicação;
  • Determine seu foco.

Seja persistente em suas decisões e escolhas.

Paula Espíndola

#definametas #metas #relacionamentospsicologia #paulaespindolapsicologa #insightpsique

A diferença entre metas e objetivos

A DIFERENÇA ENTRE METAS E OBJETIVOS

              Metas e objetivos são diferentes. O objetivo é a descrição daquilo que se pretende alcançar, ou seja, é o propósito de realizar algo, é aonde quer chegar.

              Meta é a definição em termos quantitativos, ou seja, estabelecer prazo determinado para alcançar seu objetivo.

              Ter metas estabelecidas é algo desafiador, numa inspiração para entrar em ação. É fundamental ter sonhos e ir em busca de suas realizações pessoais e profissionais.

              Analise as várias áreas da sua vida para estabelecer suas metas:

  • Pessoal;
  • Familiar;
  • Saúde;
  • Profissional;
  • Social;
  • Espiritual.

Avaliando cada uma dessas áreas será mais fácil estabelecer suas metas.

Paula Espíndola

#metas #objetivo #relacionamentospsicologia #paulaespindolapsicologa #insightpsique

Reagir as mudanças

REAGIR AS MUDANÇAS NECESSÁRIAS

              Aceitar a mudança é o começo para uma transformação pessoal.

              Será fundamental reagir e encarar as mudanças necessárias e para isso deve-se:

  • Reavalie seus planos e metas que pretendem mudar;
  • Encare o novo e o desconhecido;
  • Analise seus medos da possível mudança;
  • Trace seu plano de ação;
  • Valorize seus acertos e conquistas;
  • Converse sobre essa mudança com pessoas positivas;
  • Avalie seus pensamentos e tente controlar mais suas emoções;
  • Gerencie seu tempo;
  • Aprenda a dizer NÃO;
  • Não procrastine.

Encarar uma mudança significativa traz uma melhor qualidade de vida.

Paula Espíndola

#mudança #mudar #relacionamentospsicologia #insightpsique #paulaespindolapsicologa